Categoria "Comportamento"
10 de fev de 2016

Detox 2016 #2

Esse é o segundo post sobre Detox, mas não é aquele alimentício, não. É um que vem de dentro pra fora, que te livra de coisas e pessoas que minam sua energia e impedem sua vida de dar aquela “guinada”!

Você já leu meu primeiro post sobre Detox? Clica aqui e confira as dicas de como se livrar dos excessos que te fazem mal e podem estar no seu celular. :D

Essa série de posts, aqui no CDB, pretende provar pra você que mudar é algo que deve acontecer de dentro pra fora. Você deve estar preparadx para isso, do contrário não é o ano novo, seu aniversário, namoradx, eu, ou muito menos esse post que farão as coisas serem diferentes daqui pra frente. Mas estou aqui para ajudar você que se sente preparadx para mudar e possuir uma vida melhor, mais feliz e diferente daqui pra frente! ♥

No primeiro post eu indiquei o livro A Mágica da Arrumação, da Marie Kondo. Nesse aqui, eu quero indicar o livro Pare de se sabotar e dê a volta por cima, do Flip Flippen. Que vai te ajudar a perceber que muitas vezes não conseguimos atingir nossas metas e realizar nossos sonhos, não por não sermos capazes, mas por não conseguirmos nos livrar de limitações que nos impedem de crescer e que a maioria dessas limitações são mais externas que internas.

Então, a pergunta a ser repetida durante esse segundo passo da nossa detox é: “isso está me limitando a conquistar meus sonhos?”. Vamos começar?

#2 Detox das redes sociais

A primeira coisa que você deve fazer é listar todas as redes sociais nas quais você tem cadastro. Twitter? Instagram? LinkedIn? Facebook? Tsu? Pense com calma, existem muuuuitas redes sociais por aí e em muitas nos inscrevemos por impulso e nunca mais logamos. Uma dica é dar uma vasculhadinha no spam do seu e-mail, pra ver de onde você tem recebido notificação.
Listou? Agora vamos ao passo-a-passo.

  • Coloque essa lista em ordem de importância, da mais acessada para a menos acessada e delete aquelas que você acessa menos de uma vez por semana. Sim, delete a sua conta, se você não usa, você não precisa dela.
  • Se você tiver conta no LinkedIn, provavelmente está com pena/medo de deletar, mas pense bem, você realmente o usa ou pretende usar? Caso a resposta seja sim, o atualize com calma e com todas as informações relevantes, caso seja não, delete sem dó nem piedade.
  • Olhe de novo a listinha das redes sociais que sobraram. Você as usa pra quê? Você realmente sente necessidade de ter uma conta ali? Você fica feliz e relaxado quando se loga nelas, ou tem tanta gente falando asneira que você só passa raiva? Se a resposta for “eu passo raiva”, delete-a. Não tem porquê você ter na sua vida algo que te faz mal!
  • Das que sobraram, agora você vai reorganizar numa lista que esteja na ordem das que você segue mais pessoas, pra a que você segue menos pessoas.
  • Agora é preciso ter calma e paciência. Você vai abrir uma de cada vez. Comece com aquela na qual você segue menos pessoas: abra a lista de amigos e comece a “desintoxicar”! Você precisa olhar amigo por amigo, pensando em quantas vezes você interagiu com aquela pessoa, se aquela pessoa é relevante na sua vida ou se é só um “segue de volta”, mesmo se seja parente ou aquele amigo que já foi muito chegado a você… Lembre sempre daquela pergunta:“isso me faz feliz AGORA?”. Se aquela pessoa não for capaz de te dar um sim à essa pergunta, você não precisa dela contando apenas como mais um número nos seus seguidos. Delete e siga sua vida em busca da felicidade. Você vai precisar fazer isso com calma e provavelmente demorará alguns dias, não queira fazer tudo de uma vez.
  • Um ponto importante é levar em conta as pessoas que postam coisas que te desagradam. Preconceitos disfarçados de opiniões e outas coisas que possam acabar com seu dia quando você lê… É realmente imprescindível que você tenha essa pessoa adicionada como amiga em sua rede social?
  • Por último, vamos deletar os grupos do Facebook. Abra-os e confira um por um. Você interage neles ou já desativou as notificações há tanto tempo que nem lembra mais que eles existem? Vá olhando suas prioridades e os motivos de estar nesses grupos e vá saindo daqueles que não acrescentam nada em sua vida.

Como eu disse, não é algo para ser feito em um dia. Tenha calma e analise bem a relevância dessas coisas e pessoas em sua vida. Talvez você tenha uma tia que sempre posta um comentário negativo em suas conquistas, ou um amigo que mais parece inimigo de tanta inveja e ódio que destila em seus “textões”.

Dizem por aí que gritar nossas conquistas em redes sociais é um perigo, porque a inveja tem olho grande. Mas sinceramente, eu não penso assim, eu penso que se a pessoa não tem a capacidade de lidar bem com a minha felicidade, ela não tem porquê estar entre meu círculo de amizades e é injusto eu não poder postar aquilo que me faz feliz para meus amigos verdadeiros.

Eu sei que esse filtro pode parecer meio radical e talvez pareça que não vai sobrar ninguém em suas redes sociais, mas é um filtro que vai te ajudar a ter menos distrações, estresse e mais vontade de correr atrás daquilo que você realmente sonha e viver sua vida da maneira que realmente quer.

E se você for do estilo “família” e sabe que deletar algumas pessoas talvez traga mais dor de cabeça do que mantê-las ali, o Facebook te dá a opção de adicionar a pessoa em uma lista de “restritos”, ela aparece em sua lista de amigos e pode te mandar inbox, mas não vê seus posts e fotos que estiverem marcados apenas para amigos! ;)

Espero que estejam gostando desses posts e aguardem os próximos. ♥

Postado por Aime Reis

Também conhecida como: Klaryan. Tem vinte e alguns anos e é blogueira há 15, dona do Klaryan.com, mora sozinha, já morou em Portugal e ama escrever! Formada em Letras português/japonês/espanhol, sonha em ser poliglota, mas sempre esquece as palavras que estão na ponta da língua. Ama compartilhar aquilo que sabe e aprender sobre o que não sabe, pra compartilhar também...
21 de jan de 2016

Detox 2016 #1

detox
Sim, eu sei que já faz quase um mês que 2016 começou, mas pra quem (igual a mim) ainda não conseguiu por a “casa em ordem”, que tal se livrar de tudo o que te atrasa?

Eu sempre vi o ano novo como a única chance de gerar uma mudança na minha vida, mas de uns anos para cá isso mudou. O ano novo passou a simbolizar a maior chance de mudança, mas não a única! Pelo contrário, aliás, dia 01/01 é feriado e não dá pra fazer muita coisa num feriado, portanto muitas “mudanças” precisam ser adiadas… Mudar é algo que deve vir de dentro pra fora. Você deve estar preparadx para isso, do contrário não é o ano novo, seu aniversário, namoradx, eu, nem muito menos esse post que farão as coisas serem diferentes daqui pra frente.

Mas, espero que esse post te inspire, te dê forças e te coloque no caminho certo para que, quando você estiver prontx, possa correr aqui, ler minhas dicas e finalmente se “desintoxicar” de tudo que te atrapalha na vida!

Não é segredo pra ninguém que arrumação, limpeza e organização são os fatores fundamentais para gerar disposição, bom humor e disciplina para mudarmos tudo em nossa vida. Só que algumas vezes, por mil e um motivos, não conseguimos nos desprender de coisas e sentimentos que nos trazem lembranças tristes e dolorosas, mas que criaram um vínculo emocional muito forte conosco e estão ali… Simplesmente ali.

Marie Kondo, escreveu um livro chamado “A Mágica da Arrumação“, onde criou um método muito eficaz que nos ajuda nessa primeira etapa do “detox”. Ela diz que na sua casa devem ficar somente os objetos que te fazem feliz (HOJE, no presente!), ou seja se aquilo te fez feliz no passado, mas hoje não faz mais, você deve descartar, mesmo que ainda exista qualquer valor sentimental, mesmo que seja difícil, mesmo que jogar aquilo fora te faça chorar (aliás, se te fizer chorar aí mesmo é que você tem que jogar fora!).

E é essa pergunta que eu quero que você tenha em mente durante o detox: Isso me faz feliz? Me faz feliz hoje? Me faz feliz AGORA? Vamos começar?

#1 Detox do celular

Você muito provavelmente está lendo esse post do seu querido iphone/smartphone, então, vamos começar por ele?

  • Abra a caixa de sms e limpe-a completamente, apague até as sms dx parceirx! Se tiver senhas ou algo importante salvo ali, anote num papel.
  • Abra a lista das últimas chamadas feitas/recebidas e apague-as todas (se precisar, salve o contato de alguém).
  • Abra a lista de contatos (esse passo é mais difícil), veja contato por contato. Essa pessoa te faz feliz? Você falou com ela no último mês? Você a procura sempre, ou a relação é mútua? Se a resposta a essas perguntas forem não, dá uma de Bruna Marquezine e…

  • Abra o Whatsapp agora e… Bom, você já sabe… Aproveita pra sair daquele grupo chaaato da família, diz que é pra poder se concentrar nos estudos, sempre cola. Aproveite para deletar as mídias, vídeos, fotos e áudios recebidos e enviados.
  • Acesse o gerenciador de aplicativos e pergunte-se: quando foi a última vez que eu abri esse app?, a resposta provavelmente poderá fazer com que você o apague.
  • Agora é a hora mais complicada: vez da galeria. Sabe aquela foto que você tirou no natal de 2014 pra postar no insta, mas não foi? Pois é… Você não vai postar. Nem aquele projeto de vlog, muito menos a foto com o ex… APAGA!

Algumas lágrimas depois, garanto que seu celular estará muitos gigas mais leve – e seu coração também! Mas calma que o Detox 2016 está só começando, no próximo post teremos mais um passo-a-passo! :D
Aproveita e me conta o que tá precisando dum “detox” na sua vida! ♥

Postado por Aime Reis

Também conhecida como: Klaryan. Tem vinte e alguns anos e é blogueira há 15, dona do Klaryan.com, mora sozinha, já morou em Portugal e ama escrever! Formada em Letras português/japonês/espanhol, sonha em ser poliglota, mas sempre esquece as palavras que estão na ponta da língua. Ama compartilhar aquilo que sabe e aprender sobre o que não sabe, pra compartilhar também...
Página 1 de 1212345... 12Próximo