20 de fev de 2016

Série que você deve assistir: Lucifer

Créditos: SpoilerTV

Pelo nome você já deve ter notado sobre o que se trata né? Todo mundo conhece a história do anjo caído que foi expulso do céu chamado Lúcifer, certo? Pois é! Nessa série recém-nascida da Fox – que estreou dia 25 de Janeiro – nós temos essa mesma história, porém pouco diferenciada, já que Lúcifer decide tirar umas férias do Inferno indo para Los Angelessim, a terra das estrelas, a cidade dos anjos… Irônico não? A série é baseada no personagem secundário de “The Sandman” que acabou ganhado seu próprio Comic Book um tempo depois.

Lúcifer Morningstar (Tom Ellis) é extremamente sarcástico e bem humorado e dono de uma boate chamada Lux. A série tem uma vibe policial, já que o “rei da escuridão” ajuda a Detetive Chloe Decker usando seu “dom” – dado por Deus, como o próprio aponta – para achar as respostas que solucionem crimes. Por algum motivo, os poderes de Lúcifer não funcionam na Detetive e pode acreditar em mim quando eu digo que isso definitivamente não é bom!

Tumblr

Por se passar em Los Angeles, o seriado aborda alguns casos de estrelas do cinema, música – todos inventados, não espere falarem da Amy Winehouse, ok? – e desse lado mais “obscuro” das indústrias. Inclusive, foi isso que me animou mais ainda a assistir a série.

Vou deixar o trailer da série aí embaixo pra você conferir. A série sai lá nas terras gringas toda segunda feira às 23h (horário de Brasília) e no dia 22 (próxima segunda) sai o quinto episódio da série. Isso significa que você pode começar agora e conseguir acompanhar certinho depois!


Se interessou? Eu já disse que esse ator tem um sotaque britânico M.A.R.A.V.I.L.H.O.S.O? Então, dê uma chance para essa série que tem tudo pra ganhar 2016!

Beijo!

17 de fev de 2016

Tô te tirando de mim

Sim. É isso mesmo o que você escutou. Tô te tirando de mim. Arrancando cada pedacinho de você do meu peito e deixando apenas a bagunça que você causou. E que bagunça, hein? Tudo bem que meu peito não era um exemplo de arrumação, mas eu passei um bom tempo colocando a casa em ordem. E aí você apareceu. E eu te recebi como a melhor anfitriã do mundo. Ok, pelo menos a melhor que eu conseguia ser. Deixei que se sentisse em casa e se acolhesse em meu coração. Não disse que te queria ali sempre, mas nas minhas ações você já tinha percebido isso.

Créditos: Pixabay

Créditos: Pixabay

Você aproveitou a estadia e ficou um bom tempo. Tivemos grandes momentos, e eu os espalhava pela casa em forma de porta retratos. Ela estava mais colorida e mais feliz com seu rosto.

Mas então eu quis conhecer como era seu cantinho também. Ver se estava tão bagunçado como o meu, e te ajudar a arrumar. Pra minha surpresa, estava trancado. Pedi pra entrar, com a maior humildade do mundo. Você não deixou. Do lado de fora, do jardim, vi várias pessoas entrarem e saírem com a mesma velocidade. Mas eu… Nada.

E foi aí que eu percebi que minha hospitalidade era só mais uma dentre tantas e que, você ficava ali apenas quando precisava, não porque realmente queria. Joguei os porta retratos no chão, baguncei a casa toda novamente e te dei um ultimato: É hora de sair de mim. E se não sair, tô te tirando a força mesmo. Vou passar um bom tempo arrumando tudo de novo e não quero companhia. Muito menos a sua.

Postado por Daiany Gomes

21 anos, paulista e formada em marketing. Aos 9 escreveu uma peça de teatro sem nenhuma pretensão. De lá pra cá, nunca mais parou. Atriz de alma, escritora por paixão e ruiva de farmácia. Dona mais que orgulhosa do blog Bilhete da Garrafa. De vez em sempre, brinca com as palavras por aí.
Página 6 de 124«1 ...2345678910... 124Próximo