Categoria "Cabelos"
26 de out de 2015

Corte bordado – O que é e como fazer?

Olá pessoal!

No meu último post eu falei um pouquinho sobre algumas coisinhas que eu faço para fazer o meu cabelo crescer mais rápido. Hoje eu vou falar de uma técnica que tem ficado muito popular e que ajuda bastante a melhorar a aparência dos nossos fios: o corte bordado.

Nada mais bonito que um cabelo com aspecto saudável, porém nem sempre é fácil tê-lo com essa aparência. E as pontas duplas geralmente são o fator decisivo na hora de julgar se um cabelo está bonito ou não. Por isso, muitas mulheres procuram todos os dias por técnicas novas para resolver esse problema, seja por meio de produtos, como os serums, selagens, ou mesmo cortando o cabelo. Só que cortar o cabelo, apesar da óbvia melhora que trás para o fio, tem uma pequena desvantagem, que é a perda de comprimento.

Para acabar com esse problema, existe o corte bordado e agora eu vou explicar tudo sobre ele.

O que é corte bordado?

Esse tipo de corte é uma técnica bem antiga, mas que nos últimos tempos vem ficando cada dia mais famoso. O corte bordado consiste em simplesmente se desfazer das pontas duplas. Porém, para a alegria da mulherada ele foi criado com o intuito de cortas as pontas duplas, mas sem perder no comprimento do cabelo. Outra vantagem da técnica é que ao fazer o corte bordado você não se livra apenas das pontas duplas que existem no final do cabelo, mas também aquelas que se encontram distribuídas pelo resto do comprimento.

Como se faz o corte bordado?

Existem algumas técnicas diferentes para fazer esse corte. Manualmente existem duas opções, que são as mais populares. Na primeira, você torce uma mexa de cabelo com os dedos e com a tesoura vai cortando as pontas de cabelo que pelo comprimento do cabelo não se prenderam à mexa torcida. E na segunda opção, você prende a mecha entre três dedos, e da mesma forma que na anterior, corta as pontas que saírem da mecha.

Além das técnicas manuais, existe um aparelho chamado Split Ender que faz esse trabalho por você. O único problema dele é o preço, que aqui no Brasil está bem salgado. A marca passou a vender apenas o modelo profissional, que hoje está com um preço entre R$1700,00 e R$2000,00. Na minha opinião é um preço absurdo,já que dá pra fazer esse processo sem a máquina e não é muito difícil, apenas leva tempo.

Lembrando que apesar de ser uma técnica que não diminui o comprimento do cabelo, não é interessante fazer esse procedimento várias vezes em um espaço curto de tempo. O certo é dar uma pausa de 2 a 3 meses entre um corte e outro. 

Como eu sei que apenas com palavras fica complicado de entender todo o processo, eu separei um vídeo do YouTube que ensina a técnica, para que você possa fazer em casa.

E por último, um vídeo com o Split Ender sendo usado, para que vocês possam ver como é o processo e quão fácil é de se fazer!

Eu espero que vocês tenham gostado do post de hoje, e se tiverem qualquer dúvida ou até mesmo sugestão, não deixem de comentar! Então, e você, o que acha dessa técnica?

12 de out de 2015

Como cuidar dos cabelos das crianças

Para a alegria das crianças e também das eternas crianças (como eu) hoje é nosso dia! Mamãe, papai, vovó, vovô ou titia, faça algo especial para suas crianças, não só hoje, mas sempre! As tratem com amor e muito carinho, porque elas merecem isso tudo e muito mais! Para comemorar esse dia tão especial, preparei um post sobre os cuidados com os cabelos dos nossos pequenos e pequenas.

Antes de mais nada, é muito importante estimular na criança a valorização do cabelo natural dela! É interessante desde cedo que as crianças já saibam que somos diferentes, temos características que nos fazem únicos e os cabelos fazem parte destas caraterísticas. Todos são lindos, independente de textura! Isso ajuda até depois da infância, a pessoa já cresce aceitando seu tipo de cabelo e valorizando o cabelo do outro através do conhecimento e consciência de que a diversidade é algo natural entre os seres.

Limpeza

A primeira dica é não não lavar os cabelos dos pequenos todos os dias (isso se aplica aos adultos também). O fato é que muitas doenças capilares como caspa ou seborreia se dão devido ao excesso de lavagem dos cabelos. Aqui você pode ler mais sobre o assunto.

Na hora da lavagem, opte por produtos específicos para crianças, e procure xampus de preferência sem sulfatosAplique o xampu somente na raiz, massageando suavemente. Agora condicione, nada de usar xampu e esquecer do condicionador! Se por um lado o xampu deve ser usado somente na raiz, com o condicionador é o contrário, ele deve ser aplicado do cumprimento até as pontas dos cabelos, evitando ao máximo aplicar próximo à raiz pois ele tampa os bulbos capilares, aumentando a possibilidade de caspas e a produção da oleosidade natural dos fios.

Como hidratar

Pode hidratar os cabelos das crianças? Claro que sim! Mas temos que tomar certos cuidados, então volto a falar da importância de usar produtos específicos para criançasOs produtos destinados para elas têm composições leves. Já as maiores de 9 anos em média podem usar produtos que são para adultos, mas que contenham composições livres de derivados de petróleos (como o Yamasterol, por exemplo), ou outros de composições leves também. A hidratação deve ser feita uma vez por semana e em crianças de cabelos cacheados/crespos pode-se fazer umectação com óleos 100 % vegetais (umectação é aplicar o óleo e deixar nos cabelos por no mínimo 1 hora, depois lavar e condicionar normalmente).

Finalização

Depois de condicionados, ou hidratados, é hora de finalizar. Nesse momento a regra de usar produtos infantis ou livres de petrolatos continua valendo! Para a finalização não tem segredo, é ir testando os produtos até descobrir qual se adequa melhor aos cabelos dos pequenos. São muitos cremes de pentear, leave-ins e sprays disponíveis e de ótima qualidade. Outra coisa que eu gostaria de ressaltar na parte da finalização são os cuidados extras nos dias de sol ou quando for a praia, o bom é usar creme com proteção solar e a cada mergulho lavar com água potável e depois reaplicar o creme.

Química

Entendo que muitas mamães acabam usando alisamentos ou tinturas nos cabelos das pequenas e dos pequenos também. Essa é uma questão complexa, muitos alisam e temos que respeitar. Minha opinião em relação ao uso de químicas nos cabelos dos pequenos já foi destacada no início do post, quando citei que é importante valorizar a naturalidade dos fios. Mas não bastando minhas palavras, lembro às mamães que leiam os rótulos dos produtos que indicam qual é a idade permitida para o uso do produto.

Muitos desses produtos são indicados para maiores de 10 ou 14 anos, mas não são raros os casos de mães alisando cabelos de crianças com 5 anos ou menos. Enfatizo ainda que o alisamento em cabelos de crianças não é indicado pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) em menores de 12 anos! Acontece que os cabelos das crianças são mais frágeis, o couro cabeludo também, e as chances de adquirir alergias são bem maiores, sem contar o ressecamento, queda e tudo mais.


Gostaram do post? Não esqueçam de comentar e aproveite pra me contar quais os cuidados que você tem com os cabelos dos seus pequenos!

Por hoje é só amadas, espero ter sido útil! Beijos e abraços e mais beijos e mais abraços hahaha! *u*

Página 2 de 812345678