23 de abr de 2015

Intercâmbio além da língua

Qual o objetivo de se fazer um intercâmbio hoje em dia? A primeira coisa que vem na cabeça é “aprender outra língua” ou “melhorar o inglês“, principalmente para os mais preocupados com o futuro, possíveis carreiras, etc. No fundo é isso mesmo, mas fazer um intercâmbio traz muito mais benefícios. E é sobre isso o post de hoje.

Conhecer outro país e novas culturas

Conhecer um país significa ampliar seus horizontes, saber que o mundo é muito maior do que o lugar onde você nasceu, abrir a cabeça!

Quando você estuda em outro país, além de vivenciar a cultura deste lugar também conhece a cultura de outros intercambistas que vieram dos quatro cantos do mundo estudar no mesmo lugar que você. Aí você entende que não existe uma verdade absoluta no mundo. Uma das coisas que me chocou quando fiz meu intercâmbio (fui para a Nova Zelândia no final de 2008) foi que meus amigos árabes e japoneses simplesmente não comemoravam o Natal. É obvio, eles não são cristãos. Disso eu sabia… na teoria. Mas quando eu me deparei com a situação deles combinando coisas para o dia 25 de dezembro como se fosse um dia comum, enquanto eu lamentava o fato de estar longe da minha família, acho que meu cérebro triplicou de tamanho! Nossa realidade, nossos costumes são apenas nossos, no momento em que nos deparamos com a realidade do outro uma onda de entendimento e respeito nos invade e nunca mais vai embora.

Adquirir responsabilidade longe dos pais e da família

Dependendo da sua idade e das suas escolhas, você tem as opções de morar em uma casa de família, em residência estudantil ou em flats, independente do que escolher o fato é que seus pais não estarão por perto. Por pior que possa parecer no início, estar fora da zona de conforto trará amadurecimento, independência e autoconhecimento. Além disso, a distância dá uma saudade… você nem imagina. Essa saudade diminui a raiva que você sente da sua irmã quando ela pega sua roupa emprestada sem pedir e acaba com a chateação que é quando sua mãe pede pra você lavar a louça ou quando seu pai pede para você colocar uma saia mais comprida. Ao invés disso, percebe que sua irmã também te empresta vááárias coisas, que sua mãe arruma sua cama quando sabe que você vai levar uma amiga pra casa e que seu pai te leva e te busca em todas as festas que você inventa. Você acaba dando mais valor para essas pessoas.

Fazer novas amizades

Eu conheço pessoas que tem amigos e nem se preocupam e fazer novas amizades, quem é amigo é, quem não é, Tchau! Mas em uma experiência como um intercâmbio, raramente você consegue levar um amigo na mala! Então o jeito é fazer novas amizades e na volta percebe que amizades verdadeiras estarão te esperando o tempo que for, de braços abertos e loucos para saber todas as suas novidades.

Para fechar o post resolvi colocar aqui algumas fotos do meu intercâmbio. Olha o tanto de amigo diferente que eu fiz (tenho contato com duas até hoje).

Intercâmbio

1. Minha bagunça no quarto 2. Meu colegas de sala com a prof. Olha quanta gente diferente, alemã, taiwanesa, coreana, árabe, turco, mexicano e brasileira 3. Saindo com os amigos novos. 4 e 5. Aproveitando para conhecer o país 6. A Cultura 7. Clube da Luluzinha 8. Aproveitei que a NZ é o país dos esportes radicais e me joguei da torre! Sky Juuuuuump…


Está se preparando para o intercâmbio? Nem que por enquanto esteja só na vontade, prepare-se para trazer a mala, a mente e o coração repleto de experiências maravilhosas ♥